As Moscas

A mosca doméstica é dos insetos mais amplamente distribuídos, assim como está freqüentemente associada ao homem. Apresentam asas membranas inseridas no mesotórax e asas metatorácias modificadas, sob a forma de dois halteres O tórax e o abdômen apresentam uma coloração cinza pálida, com quatro estrias longitudinais pretas no tórax. Os adultos medem 6 a 9 mm de comprimento. Elas se alimentam de substâncias açucaradas, vegetais, animais e alimentos do homem.

A mosca realiza no mínimo de quatro posturas, de 120 e 150 ovos pôr vez, sendo estes pequenos, brancos, alongados e depostos aos punhados. Em menos de 26 horas, e a temperatura geralmente acima de 15°C, saem as larvas que são alongadas, lisas brancas e muito móveis. A fase larva dura de 3 a 24 dias e a fase pupal de 4 a 5 dias. A mosca adulta, no verão, vive cerca de um mês, mas nos meses de mais frios vive muito mais.

As moscas domésticas pode transportar vários organismos patogênicos nas patas, no corpo, na trompa, ou expulsá-los pela regurgitação ou pelas fezes São doenças bacterianas transmissíveis pelas moscas: conjuntivite humana a diarréia infantil dos leitões, septicemias, lepra, paratifos humano e animal, intoxicações alimentares, peste, tuberculose humana e de animais, tifo, carbúnculo, gonorréia, abcessos, disenterais bacilares, mengite, cólera humana e outras.

MOSCAS ( mosca de estábulo)

A moscas dos estábulos ou mosca das cavalariças é muito parecida com a mosca doméstica e apresenta aproximadamente o mesmo tamanho ( 5 a 6 mm de comprimento). Apresenta o aparelho bucal pungitivo formado de tromba longa, delgada, rígida, mais larga na base, estritando-se para a extremidade distal. O tórax é acinzentado com quatro faixas escuras longitudinais no mesonoto, o abdômen apresenta três manchas escuras. Tanto os machos como as fêmea são hematófagos, sugando todas as espécies de animais domésticos, preferivelmente cavalos: ataca também o homem.

De regra, prefere regiões mais inferiores do corpo como pernas e o ventre. A picada é muito dolorosa. As fêmeas realizam as posturas em restos vegetais em decomposição, nas fezes humana e nas de bovinos. Os ovos são postos em massas de 25 a 50 de cada vez totalizando cerca de 800 ovos pôr fêmea; medem cerca de 1 mm de comprimento e têm uma coloração branco amarelada.

A exemplo da mosca doméstica, a mosca de estábulo transmite agentes de muitas doenças através das patas, sendo, também, hospedeira intermediária dos habronemas, causadores das feridas de verão, além de carregar consigo as larvas do berne.

CONTROLE DE MOSCAS

Um bom controle irá diminuir as enfermidades e índices de mortalidade infantil, por ser a criança mais susceptível ás infecções. O combate ás moscas podem ser dirigidos contra os insetos adultos ou contra as larvas nos criadouros.

Controle de Pragas

desratização

Desratização

Temos três espécies de roedores bem conhecidos: o rato de telhado, rato de esgoto e camundongos.

Desinsetização

Desinsetização

A desinsetização é a eliminação direta dos insetos mais comuns encontrados em áreas urbanas, como: baratas, pulgas, formigas, aranhas pequenas, traças, etc.

Descupinização

Descupinização

Existem duas espécies de cupins: Cupins de solo (subterrâneo) e cupins de madeira seca.